FacebookYoutube RSS
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras


Notícias

  05/07/2018 

Sindsaúde vai ao Hospital do Coração tratar sobre assédio moral na unidade

 
A primeira reunião entre dirigentes do Sindsaúde e gestores da unidade de saúde para discutir o assunto ocorreu na sexta-feira, 29/06.
 
Os dirigentes do Sindsaúde, Messias Carlos e Givana Lopes, acompanhados do presidente da CTB no Ceará, o também servidor público do Hospital do Coração, Luciano Simplício, se reuniram com gestores do Hospital do Coração na sexta-feira, 29/06, para discutir sobre os reincidentes casos de assédio moral na unidade.
A diretora administrativa da unidade recebeu a comissão de dirigentes. Também participaram da reunião o assessor jurídico do hospital e a coordenadora de enfermagem.
 
Após ouvir todas as denúncias referentes ao assédio moral, mais recorrente no setor de Hemodinâmica, e os problemas com mudança na escala de trabalho dos servidores, os representantes da gestão ficaram de se reunir com os trabalhadores do setor citado para tentar resolver a situação.
 
Uma nova reunião foi realizada nesta terça-feira, 03/07, para dar encaminhamentos à discussão.  Quanto à mudança nas escalas, os gestores afirmaram que estão avaliando o problema caso a caso, devendo aguardar um parecer da PGE em um caso específico. Quanto às denúncias de assédio moral, os gestores conversaram com os servidores do setor de Hemodinâmica que confirmaram os casos de assédio moral. O chefe do setor mostrou arrependimento e pediu desculpas á equipe de trabalhadores. Uma nova avaliação deve ser feita em um mês para confirmar se o problema foi sanado.
 
No setor de Farmácia, a advertência injustificada dada a uma funcionária foi retirada e a responsável pelo setor se comprometeu a rever suas atitudes com a equipe.
 
Para o diretor do Sindsaúde, Messias Carlos, a reunião foi positiva, já que a gestão admitiu o problema e adotou medidas para sanar o assédio moral na unidade de saúde do Estado. “Estamos vigilantes. Não é possível aceitar que uma categoria já tão sobrecarregada tenha que passar por situações assim como as que constatamos aqui no Hospital do Coração. Vamos continuar dando eco às queixas dos trabalhadores e tentando resolver aquilo que os aflige”- concluiu.
 
Com informações da Assessoria de Comunicação do Sindsaúde - Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde no Ceará
 

 

Última atualização: 05/07/2018 às 09:07:59
 
Versão para impressão Diminuir tamanho das letras Voltar Página inicial Aumentar tamanho das letras

Comente esta notícia

Nome
Nome é necessário.
E-mail
E-mail é necessário.E-mail inválido.
Comentário
Comentário é necessário.Máximo de 500 caracteres.

Comentários

Seja o primeiro a comentar.
Basta preencher o formulário acima.

 

SINDSAÚDE CEARÁ
Rua Guilherme Rocha, 883 - Centro
Fortaleza - Ceará  |  CEP 60.115-120

Fone: (85) 3251.9050 / 3212.5109  |  E-mail: contato@sindsaude-ce.com.br
www.igenio.com.br
CTB CNTS