Após pressão, prefeitura realiza concurso para a saúde de Fortaleza

128

Neste domingo (12/04), a Prefeitura de Fortaleza realizou a primeira fase do processo de seleção do concurso público para os cargos efetivos de técnicos de enfermagem, técnicos em higiene dental e auxiliar em saúde bucal. Ao todo são 622 vagas, além de banco de reservas. Cinco por cento das vagas serão destinadas a pessoas com deficiência. Participaram desta primeira etapa do processo 4.963 candidatos, o que equivale a 94% do número de inscritos. Os candidatos ainda serão submetidos a uma segunda fase da seleção, que será a apresentação de títulos e termos de experiência.


 


A realização deste concurso atendeu a um Termo de Ajuste de Conduta(TAC), acordado entre Prefeitura, Ministério Público do Trabalho e Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde Pública. Um resultado da luta dos profissionais de saúde junto ao Sindsaúde. 


 


Foram várias manifestações e audiências na Procuradoria Regional do Trabalho.  Até que no dia 25 de julho de 2014, durante protesto organizado pelo Sindsaúde, em frente à Procuradoria Regional do Trabalho (PRT), na Av. Padre Antônio Tomás, em Fortaleza, um encontro foi realizado entre sindicalistas e a promotora de Justiça de Defesa da Saúde Pública, Isabel Porto, além do procurador-chefe do MPT, Antônio de Oliveira Lima, onde foi anunciada a assinatura de um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) onde a Prefeitura se comprometeu a realizar concurso para a área da saúde.


 


Com informações da Assessoria de Comunicação do Sindsaúde – Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde no Ceará