Ato no Hospital Otoclínica nesta terça-feira cobrará Convenção Coletiva

136



 


O Sindsaúde conclama todos os funcionários e funcionárias do Hospital Otoclínica a participarem do ato nesta terça-feira, 24 de junho, a partir das 6h30, na porta do hospital. A intenção é cobrar a celebração da Convenção Coletiva 2014 com os hospitais privados e filantrópicos, garantindo reajustes decentes para a categoria, ticket alimentação e criação de novos pisos salariais.


O sindicato tenta negociar com os patrões desde o início do ano, no entanto, o que encontramos é intransigência e má vontade. A última reunião, ocorrida no dia 10 de junho, não trouxe avanços. Os patrões querem conceder reajuste geral de 6%, reajuste sobre os pisos de 7% e não aceitam discutir criação de outros pisos, como estamos pedindo, a exemplo de maqueiro, porteiro e auxiliar de serviços gerais.


Além disso, querem alterar a cláusula da Convenção que proíbe a dobra de plantão para permitir a dobra nas situações de urgência e emergência, o que seria o mesmo que eliminar a cláusula, pois situações de urgência e emergência fazem parte de qualquer estabelecimento de saúde. De nosso lado, entendemos que a proibição da dobra permite melhor serviço e segurança para trabalhadores e clientes. Completando o ciclo de intransigência, os patrões também não aceitam conceder o ticket alimentação. 


Nova reunião ficou marcada para julho. Temos até lá para mostrar nossa força, intensificando as manifestações, com forte participação da categoria. Só assim conseguiremos um resultado melhor.


Participe do ato! Esse é o primeiro de uma série que vamos realizar em outros hospitais particulares ou filantrópicos. Vamos virar esse jogo!