Dia 30/1 é dia de luto e luta dos servidores de nível médio da Saúde

108

Neste dia 30 de janeiro, como vimos anunciando, ocorrerá a paralisação dos servidores de nível médio da saúde do Estado que trabalham nos setores fechados – emergências, Centros Cirúrgicos e Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Será em dois turnos: das 8 às 10h e das 20 às 22h, em todos os hospitais, simultaneamente. Essa paralisação deve ter forte impacto e foi pensada assim porque entendemos que os setores fechados foram os mais atingidos pelos cortes das gratificações. Como alguém trabalhará na correria de uma emergência, com todo o desgaste físico e mental, sem receber ao menos uma compensação financeira por isto?

Por outro lado, a indignação é tão grande entre os servidores de todos os setores que muitos querem participar da paralisação. Para o Sindsaúde, é um orgulho sentir esse espírito de luta, por isso, apesar de a paralisação ter sido pensada para os setores fechados, o servidor ou servidora que quiser cruzar os braços e engrossar as fileiras da luta pode se juntar ao movimento. Com toda certeza, será muito bem-vindo!

A categoria foi duramente golpeada pelo governo, pois o que chegou à Assembleia Legislativa não correspondeu ao que foi negociado com o Sindsaúde. O governo fez tudo bem amarrado, mandando as mensagens no último dia para que não pudéssemos fazer muita coisa contra a aprovação.

A batalha continua! Dia 30/1 é Dia de Luta na Saúde! Dia de mostrar aos gestores a nossa força, a importância de nosso trabalho, que não é invisível. Cruze os braços, convença os colegas a participarem também. A paralisação é uma prévia para a greve que voltará com tudo em fevereiro!