Funcionários do Hemoce paralisam atividades contra atraso salarial

125

Os funcionários da Sociedade de Assistência a Maternidade Escola Assis Chateaubriand (Sameac) cedidos ao Hemoce paralisarão o trabalho das 7h30 às 8h30 desta terça-feira, 13. Eles protestam contra o atraso do salário de outubro, que até agora não foi pago.

Secretária geral do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde (Sindsaúde), Marta Brandão esclarece que a verba para pagamento dos funcionários deve ser repassada pelo governo do Estado à Sameac.

Segundo a diretora administrativa do Hemoce, Márcia Bruno, esse repasse do governo não foi feito ainda. Ela informou ao sindicato que já entrou em contato até com o secretário da Fazenda, mas não conseguiu solucionar o problema.

Como trabalhadores, temos de fazer nossa parte e usar nossa principal arma, a paralisação, para mostrar que nosso trabalho é muito importante e faz falta. Também vamos aproveitar para nos concentrarmos na porta do Hemoce e denunciar a situação à população.