Hospital São Camilo serve comida estragada

176


Vários funcionários passaram mal com a comida que foi servida no hospital São Camilo (Cura d’Ars), em Fortaleza, no dia 30/7, no horário noturno/diurno. A comida estragada provocou diarreia e cólicas nos funcionários. Não é a primeira vez que isto acontece no Cura d’Ars. Este hospital pode até responder por dano moral coletivo, pois, neste caso, o empregador é responsável pela qualidade da comida que serve ao empregado. De início, o sindicato vai pedir fiscalização, mas não descartamos entrar na justiça.




Esta é uma das razões pelas quais o sindicato reivindica tíquete alimentação para todos os empregados da saúde, permitindo que o empregado escolha onde vai se alimentar ou possa comprar alimentação e trazer a refeição de casa.