Secretário de Saúde reafirma que não há determinação oficial para cortar gratificações

118

Durante reunião com o Sindsaúde na manhã desta terça-feira (11), o secretário de Saúde do Ceará, Arruda Bastos, reafirmou que não há determinação do governo do Estado para cortar quaisquer gratificações dos servidores de nível médio, em greve há um mês.

Arruda Bastos se comprometeu ainda a enviar circular a todas as unidades informando que os gestores não estão autorizados a cortar gratificações, uma vez que os servidores grevistas estão em negociação com o governo e deverão ser recebidos pelo governador Cid Gomes após o próximo dia 17.

2º dia de concentração no Hias

Enquanto a comissão do Sindsaúde e servidores se reunia com o secretário de Saúde, cerca de 150 grevistas realizaram mais uma intensa concentração na porta do Hospital Albert Sabin.