Servidores do Estado: governo deve cumprir compromissos até o dia 20/6

154

Cerca de 200 servidores de nível médio da Saúde do Estado ocuparam, na manhã desta quinta-feira (31), o Palácio da Abolição. Com isso, uma comissão composta pelo Sindsaúde conquistou o compromisso do governo de, até o dia 20/6, apresentar o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) dos servidores de nível médio da Saúde.

O secretário adjunto do gabinete do governador, Almircy Pinto, assegurou que o governo, até o dia 15/6, apresentará o documento que deverá ser encaminhado à Assembleia Legislativa sobre o pagamento do adicional de insalubridade para os agentes de saúde e licença maternidade de seis meses, assim como extensão da gratificação de atividades de plantão nos finais de semana para os profissionais de nível médio – prevista na Lei 13.735/2006, atualmente apenas para servidores de nível superior.

Já o secretário de Saúde, Arruda Bastos, informou que mil servidores que ingressaram no Estado por meio do concurso de 2008 tiveram as avaliações concluídas e seus nomes serão publicados no Diário Oficial também até o dia 15/6. Os nomes restantes (cerca de 800) serão publicados à medida em que as avaliações forem concluídas.

O Sindsaúde espera que o governo honre os compromissos, assumidos pela primeira vez em 8 de fevereiro deste ano, com a mesma comissão de trabalhadores, também no Palácio da Abolição.

“Vamos esperar até o dia estipulado. Depois disso, não podemos mais ficar aguardando. Partiremos para a luta e quem sabe até greve”, disse a secretária-geral do Sindsaúde, Marta Brandão.