Sesa e Seplag não estão se entendendo sobre salário dos servidores

98

Caro servidor/a,

Na última quarta-feira (30), o Sindsaúde esteve em mais uma reunião com a coordenadora da Gestão do Trabalho e da Educação em Saúde (CGTES) da Sesa, Lúcia Arruda, para pedir esclarecimentos sobre o não pagamento do adicional de produtividade aos servidores de nível médio.

A coordenadora informou que, conforme a negociação da Mesa de Negociação Permanente do SUS (MENPSUS), as faltas de todos os servidores devem ser abonadas e, por isso, não há motivo para descontar o adicional de produtividade. Ela se comprometeu a conversar com os diretores dos hospitais.

Repercussão das mensagens

O sindicato havia dado a informação (pois nos foi repassada pela Sesa) de que as mensagens não teriam repercussão neste mês de janeiro. Contudo, a Seplag interveio nas folhas de pagamento organizadas pela Sesa e fez novas folhas, aplicando as mudanças das mensagens.

Greve

O Sindsaúde vai divulgar, na próxima semana, a data da assembleia para definir sobre greve dos servidores do Estado. A nova diretoria do sindicato toma posse no dia 1º de fevereiro e terá sua primeira reunião no dia 4, quando decidirá sobre a data, local e horário da assembleia.