Sindsaúde aciona Ministério do Trabalho para cobrar pagamento do 13º em hospitais cearenses

201



O Sindsaúde Ceará enviou nessa segunda, 22, ofício para a Secretaria Regional do Trabalho e Emprego no Ceará (SRTE/CE), órg cobrando fiscalização no Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar (ISGH) , Unidades de Pronto Atendimento (UPA), Casa de Saúde São Raimundo, Hospital Geral Dr. Waldemar de Alcântara, Hospital SOS , Hospital Central e Hospital São Francisco, de Canindé.  O motivo é o atraso no pagamento do 13º salário dos profissionais de saúde de nível médio e técnico, como auxiliares e técnicos de enfermagem. No caso do ISGH, nem mesmo o salário de novembro foi pago.


Pela Lei o pagamento do 13º salário deve ser feito até o dia 20 de dezembro. O atraso no pagamento de qualquer parcela do 13º salário implica em multa de 160 UFIRs por empregado prejudicado, com valor dobrado em caso de reincidência.