Sindsaúde cobra explicações após morte de trabalhadores de hospital municipal

831

Após a morte de dois trabalhadores do Hospital Municipal de Pacajus – Hospital José Maria Philomeno Gomes – nesta quinta-feira, 16/07, em decorrência da Covid-19, dirigentes do Sindsaúde Ceará estiveram na manhã desta sexta-feira, 17/07, na unidade para avaliar as condições de trabalho.

O que se constatou foi um clima de tristeza, apreensão e medo entre os trabalhadores. Os EPIs estavam sendo usados na hora da visita do Sindsaúde, mas o que se soube é que isso só estaria ocorrendo após a contaminação de muitos profissionais com a morte da técnica de enfermagem Gleice Machado, de 50 anos, e do motorista Adailton Ferreira, de 37 anos. Os dois estavam internados no Hospital Leonardo da Vinci, em Fortaleza.

Após percorrer vários setores da unidade de saúde e conversar com trabalhadores e usuários, foi possível saber que as medidas para proteger a saúde dos profissionais tem sido insuficientes diante do quadro de enfrentamento ao coronavírus. Motoristas das ambulâncias, por exemplo, usam apenas máscaras para transportar pacientes e as ambulâncias são higienizadas por estes mesmos profissionais, o que aumenta ainda mais o risco de contaminação pela Covid-19. Outro problema grave seria a testagem insuficiente dos profissionais e o não cumprimento de medidas recomendadas para afastamento de trabalhadores com sintomas indicativos da doença.

Do hospital, os dirigentes do Sindsaúde Messias Carlos e Daniele Nazário seguiram até a secretaria municipal de saúde onde foi protocolado ofício pedindo informações sobre a contaminação dos profissionais por Covid-19, testagem, afastamentos e providências para o cumprimento das normas de segurança com o uso adequado dos EPIs.

O sindsaúde reforça que desde o início da pandemia, foram disponibilizadas várias ferramentas aos trabalhadores da saúde para formalizar denúncias por falta de Equipamento de Proteção Individual – EPI, e das condições em gerais  no enfrentamento ao Coronavírus. A utilização destas ferramentas pelos trabalhadores antes do ocorrido, são fundamentais para que medidas preventivas sejam tomadas junto ao ministério Público e aos Conselhos Profissionais. É muito importante que as denúncias sejam enviadas ao Sindsaúde, para que providências e encaminhamentos sejam tomadas. Acesse nossas mídias (APP, Instagram, Página no Facebook) e saiba mais!

Clica Aqui e confira ofício protocolado na Secretaria de Saúde do Município de Pacajus

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here