Trabalhadores ameaçam parar as atividades no dia primeiro de abril

89


 



Os trabalhadores do Hospital Cesar Cals e Hospital do Coração realizaram mais uma vez na manhã desta segunda feira ato em protesto contra o atraso no pagamento da produtividade e dos cooperados.  Os trabalhadores querem que a direção do hospital realize os pagamentos e crie um calendário para que os atrasos não voltem a se repetir.


 



 


 


A direção do Hospital do Coração, em reunião com o sindicato e trabalhadores ainda na sexta-feira, 27, se comprometeu a fazer os pagamentos nesta terça-feira, 31 de março, mas mesmo assim os trabalhadores pararam as atividades na emergência, fato que ganhou repercussão na imprensa local.


 


 


Já no Hospital Geral Cesar Cals, apesar do envio de ofícios e das insistentes cobranças do Sindsaúde, a direção do hospital não recebeu a categoria para dialogar. Em consequência disso, a categoria já decidiu: caso os pagamentos não sejam feitos até esta terça-feira, os profissionais vão parar as atividades no dia primeiro de abril. 


 


 


Os seis maiores hospitais do Estado estão com os pagamentos dos profissionais cooperados em atraso. 


 


 


 


 


Com informações da Assessoria de Comunicação do Sindsaúde – Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde no Ceará