ACT Hapvida – Prazo para ascensão de auxiliares de enfermagem termina em 31/10

251

Pelo Acordo Coletivo de Trabalho (ACT), firmado com o  Hapvida para o ano de 2021, ficou garantido que auxiliares de enfermagem podem ascender a técnicos de enfermagem. O prazo para solicitar a mudança segue até 31 de outubro próximo.

As(os) auxiliares de enfermagem do Grupo Hapvida, que possuem registro no Coren como técnicas(os) de enfermagem, podem mudar de função automaticamente. A ascensão está garantida no ACT de 2021, registrado em agosto passado. O piso de auxiliar de enfermagem é de R$ 1.195,80 e o de técnico de enfermagem é de R$ 1.288, 59.

Para fazer a mudança, a(o) profissional precisa preencher um requerimento e entregá-lo, até o dia 31 de outubro de 2021, acompanhado de uma cópia legível do comprovante de inscrição no Coren Ceará, na sede do Sindsaúde ou pode entregar a um de seus dirigentes. Esta documentação será encaminhada em novembro próximo ao Hapvida e a partir da folha de pagamento de janeiro de 2022 haverá a implantação do piso de técnico de enfermagem.

Só nas unidades do Hapvida da Aguanambi, Aldeota e Maracanaú, há cerca de duzentas trabalhadoras nesta situação. “Estamos informando as auxiliares de enfermagem para que agilizem a mudança, pois além de melhorar o salário, elas terão mais oportunidades no mercado de trabalho como técnicas” – comentou Marta Brandão, presidente do Sindsaúde Ceará.

Ascensão de auxiliares para técnicas(os) de enfermagem:

Documentação necessária:

– Requerimento com solicitação de ascensão

– Cópia legível da inscrição no Coren Ceará

Prazo para entrega: 31 de outubro de 2021.

Mais informações entrar em contato com um de nossos diretores.

Glayson Melo – (85) 9-9983-7833

Daniele Nazário – (85) 9-9196-3941

Adriana Moura – (85) 9-9600-4173

Quintino Neto – (85) 9-8503-0753

Regina Moraes – (85)9-8868-0606

Marli Pereira – (85) 9-9972-4802

Reajuste salarial e retroativo é para todos empregados

O Sindsaúde alerta aos trabalhadores do Hapvida sobre mentiras que vem sendo difundidas pelo  Recursos Humanos do grupo HapVida. As empresas do grupo  tem se negado a reajustar salários e pisos, bem como pagar os retroativos  para empregados que foram admitidos a partir de janeiro deste ano, alegando que isso foi negociado com o Sindsaúde. Isso é uma mentira. O RH do grupo HapVida está espalhando fake News entre os empregados, a respeito do reajuste e do retroativo convencionado no Acordo Coletivo de Trabalho (ACT). Basta você ler as cláusulas 3ª e 4ª do ACT para verificar que está claro que deve ser reajustado o salário e pago o retroativo, independente da data de admissão. Não faz sentido a diferença de salário, por exemplo, entre dois motoristas, somente porque um foi admitido em 2020 e outro em 2021, se exercem a mesma função. Tal discriminação é ilegal.

O sindicato já pediu mediação com o grupo HapVida, mas sequer responderam ao ofício. Então, iremos ingressar na justiça. O(a) empregado(a) do HapVida  que foi admitido a partir de janeiro de 2021 e que não teve o salário reajustado ou não recebeu o retroativo deve remeter foto legível do contracheque de agosto de 2021 para o whatsapp do jurídico do Sindsaude: (85) 9 89740898.

Confira o ACT 2021 do Hapvida completo no nosso site:

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here