Sindsaúde cobra reajuste do piso dos ACS do Estado

74

Após aprovação da emenda 120, que prevê o piso nacional da categoria em dois salários mínimos, o Sindsaúde cobra pressa na implantação do reajuste para os ACS do Estado.

A presidente do Sindsaúde Ceará, Martinha Brandão, acompanhada de dirigentes representantes dos ACS do Estado, foi ao Palácio da Abolição para cobrar da governadora Izolda Cela a implantação do reajuste dos ACS do Estado de acordo com o previsto na Emenda 120, aprovada no Senado no último dia 04/05.

A emenda, que determina o pagamento mínimo de dois salários mínimos às categorias dos ACS e ACE deve ser cumprida nos âmbitos federal, estadual e municipal, sem a necessidade de regulamentação por meio de outras leis. Em ofício protocolado junto ao Governo do Estado, o Sindsaúde exige que o novo valor já seja implantando na folha de maio.

O Sindsaúde Ceará também já produziu ofícios que serão encaminhados às prefeituras municipais do Ceará com o mesmo pedido. O novo valor do piso dos ACS vai incidir também no cálculo do adicional de insalubridade.

“Essa foi mais uma vitória importante para as categorias dos ACS e ACE e nós temos pressa para que esse reajuste chegue aos contracheques dessas categorias o mais rápido possível” – afirmou Martinha Brandão, presidente do Sindsaúde Ceará.

Confira AQUI ofício protocolado junto ao Governo do Estado do Ceará:

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here