Vitória – Governo do Estado atende reivindicação do Sindsaúde e implanta mais ascensões funcionais em atraso

423

A publicação das ascensões foi feita no Diário Oficial do Estado nesta terça-feira, 13/04, e vai resultar em aumento salarial de até 12% para grande parte dos servidores da saúde do nível médio.

Pelo segundo ano consecutivo, o Governo do Estado, atendendo reivindicação dos servidores estaduais, através do Sindsaúde e outras entidades sindicais, publicou nesta terça-feira, 13/04, a implantação das ascensões funcionais, também conhecidas como progressão. Os valores referentes às implantações devem ser creditados já na folha de abril. Serão pagas as promoções de 2015/2016, 2016/2017, 2017/2018 e 2018/2019. Já as promoções dos períodos de 2019/2020 devem ser quitadas em abril do ano que vem.

Protesto realizado na Seplag em novembro de 2019 cobra as ascensões funcionais.

Em abril do ano passado, após aprovação da Lei Estadual Nº 17.181, de 23 de março de 2020, os servidores da saúde do Estado começaram a receber os valores referentes à implantação das ascensões funcionais, que chegaram a ficar em atraso por cerca de dez anos. Na ocasião, foram creditadas as promoções por merecimento de 2012/2013 e as promoções por antiguidade de 2013/2014 e de 2014/2015.

“A publicação das ascensões funcionais neste momento é uma vitória para todos os servidores, que subiram de nível e vão ter um aumento de até 12% no salário base, repercutindo no 13º, férias e horas extras” – explica a diretora do Sindsaúde, Silvânia Lopes, que também é servidora lotada no Hospital São José. Com essa medida, grande parte da categoria da saúde, principalmente os técnicos de enfermagem, já chega à última referência, ou seja, atingem a progressão máxima prevista em lei.

Assembleia realizada no Sindsaúde em janeiro de 2020 com servidores da saúde traça rumos da luta pelas ascensões funcionais.

“Esse recurso chega em ótima hora” – comemora a presidente do Sindsaúde, Marta Brandão. “Foram sete anos colocados em dia pelo Governo do Estado. Isso é uma vitória dos servidores e dos sindicatos que foram à luta, cobrando o cumprimento da lei” – afirmou. “Agora, vamos seguir na luta pela reformulação do plano de Cargos e Carreiras da categoria” – finalizou.

Desde 2011, não eram concedidos os benefícios da ascensão funcional aos servidores da saúde do Estado. Pelo estatuto do servidor, os servidores deveriam ter o benefício de 3% de aumento no salário base a cada ano de serviço prestado ao Estado.

Servidora Luciana – lotado no Hospital Albert Sabin

Servidores comemoram vitória e agradece ao sindicato pela luta juntos aos trabalhadores.

O servidor que tiver dúvida sobre ascensão funcional pode ligar para a Comissão que está trabalhando na SESA pelo fone: (85) 3219-9264. Quando a SESA voltar ao normal, o servidor também poderá tirar dúvidas por meio de requerimento.

 

 

 

Confira AQUI A Lei Estadual Nº 17.181, de 23 de março de 2020, que assegurou a implantação das ascensões em atraso e o Diário Oficial de 16 de abril de 2021 – Caderno 01, Caderno 02 e Caderno 03 – que publicaram as ascensões. Os documentos estão disponíveis também no site www.sindsaudeceara.org.br e no APP Sindsaúde Ceará, disponível para Iphone e Android.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here