Waldemar – Ato do Sindsaúde pressiona por avanços nas negociações para a CCT da rede particular

67

Dirigentes do Sindsaúde Ceará amanheceram nesta sexta-feira, 05/08, na frente do Hospital Waldemar de Alcântara, em Fortaleza. O hospital, sob a gestão do ISGH, faz parte das unidades de saúde que deve cumprir a Convenção Coletiva de Trabalho da rede particular do Ceará.

Embora a data base dos trabalhadores da rede particular seja no mês de janeiro, a categoria segue sem reajuste salarial. As negociações sofreram vários impasses, com dificuldades impostas com a chegada de grupos como o Kora (Hospital São Mateus, Gastroclínica e Otoclínica) e D’or (Hospital São Carlos) ao Ceará, que compraram grandes hospitais.

Depois de muitas idas e vindas com propostas rejeitadas e cobrança na porta dos hospitais, a última proposta apresentada teve avanços, mas o Sindsaúde quer ir mais além.

Os patrões oferecem 10% de reajuste a partir deste mês de agosto, com abonos variando de 6%(janeiro a março) a 8%(abril a julho), referentes ao retroativo de janeiro a julho.

Com o apoio dos trabalhadores e trabalhadoras, queremos avançar ainda mais. Por mais valorização da saúde e nenhum direito a menos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here